Bíblia do Caminho Testamento Xavieriano

Emmanuel. — O próprio. ©

Dissertações mediúnicas
(Texto extraído da 1ª edição desse livro — 1937.)

Índice

Índice

(Capítulos)

Explicando…

A tarefa dos Guias espirituais.


DOUTRINANDO A FÉ n

1. Às almas enfraquecidas:

O que é o moderno espiritualismo. — Necessidade do esforço próprio. — A prece. — Aos enfraquecidos na luta.

2. A ascendência do Evangelho:

As tradições religiosas. — Os missionários do Cristo. — A lei mosaica. — Jesus. — O Evangelho e o futuro.

3. Roma e a humanidade:

Roma em seus primórdios. — O Cristianismo em suas origens. — Os bispos de Roma. — Inovações e dogmas romanos. — As pretensões romanas.

4. A base religiosa:

O tóxico do intelectualismo. — Experiência que fracassaria. — A falibilidade humana. — O sublime legado. — Religião e religiões. — Sabedoria integral e ordem inviolável.

5. A necessidade da experiência:

O momento das grandes lutas. — Os Planos do Universo são infinitos. — O progresso isolado dos seres. — O futuro é a perfeição. — O que significam as reencarnações.

6. Pela revivescência do Cristianismo:

Época de desolação. — A norma de ação educativa. — A falha da igreja. — O propósito dos Espíritos.

7. O labor das almas:

Dificuldades da comunicação. — O trabalho dos Espíritos. — Necessidade do sacrifício. — Desenvolvimento da intuição.

8. A confissão auricular:

A confissão nos tempos apostólicos. — A confissão auricular e a sua grande vítima. — Reforma necessária. — Confessai-vos uns aos outros.

9. A igreja de Roma na América do Sul:

A grande usurpadora. — O catolicismo na Europa moderna. — A igreja católica provocando a pobreza do mundo. — Amargos contrastes. — O mundo tem sede do Cristo.

10. As pretensões católicas:

O culto religioso e o Estado. — Sempre com César.

11. Mensagem aos médiuns:

Vigiar para vencer. — Quem são os médiuns na sua generalidade. — As oportunidades do sofrimento. — Necessidade da exemplificação. — O problema das mistificações. — Apelo aos médiuns.

12. A paz do último dia:

Os que se dedicam às coisas espirituais. — As almas torturadas. — A outra vida. — Espíritos felizes. — Aos meus irmãos.


DOUTRINANDO A CIÊNCIA

13. As investigações da ciência:

O resultado das investigações. — O fracasso de muitas iniciativas. — O utilitarismo. — Os tempos do porvir.

14. A subconsciência nos fenômenos psíquicos:

A subconsciência. — O olvido temporário. — As recordações.

15. A ideia da imortalidade:

A ideia de Deus. — A consciência. — O antropomorfismo. — O culto dos mortos. — A evolução dos sistemas religiosos.

16. As vidas sucessivas e os mundos habitados:

Espontaneidade impossível. — Mundo de exílio e escola regeneradora. — O estímulo do conhecimento.

17. Sobre os animais:

A sombra dos princípios. — Os animais: nossos parentes próximos. — A alma dos animais. — Todos somos irmãos.

18. A Europa moderna em face do Evangelho:

Dores inevitáveis. — Ausência de unidade espiritual. — A paz armada. — Sociedades edificadas na pilhagem.

19. A civilização ocidental:

Possibilidades do Oriente. — O fantasma da guerra. — Ânsia de domínio e de destruição. — O futuro das grandezas materiais.

20. A decadência intelectual dos tempos modernos:

Profunda pobreza intelectual. — Ditaduras e problemas econômicos. — Necessidade da cooperação fraterna.

21. Civilização em crise:

Fase de experimentações. — Na dependência da guerra. — Sentença de destruição. — O futuro pertencerá ao Evangelho.

22. Fluidos materiais e fluidos espirituais

23. A saúde humana:

A renovação dos métodos de cura. — Os problemas clínicos inquietantes. — Medicina espiritual. — O mundo marcha para a síntese.

24. O corpo espiritual:

A vida corporal — expressão da morte. — Inacessível aos processos da indagação científica. — Respondendo às objeções. — Através dos escaninhos do universo orgânico. — O santuário da memória. — O prodigioso alquimista. — Alma e corpo. — A evolução infinita.


DOUTRINANDO A FÉ E A CIÊNCIA

25. Os poderes do Espírito:

Os mendigos da sabedoria. — A ineficiência sensorial. — A inútil tentativa. — Tudo é vibração espiritual. — A matéria.

26. Os tempos do Consolador:

A concepção da Divindade. — A Fé ante a Ciência. — Os esclarecimentos do Espiritismo. — Nós viveremos eternamente.

27. Os dogmas e os preconceitos:

Ações perturbadoras. — Características da sociedade moderna. — A Ciência e a Religião. — O trabalho dos intelectuais.

28. As comunicações espíritas:

O mediunismo. — A comunhão dos dois mundos. — Os Espíritos benignos. — O que representam as comunicações. — Os Planos da evolução.

29. Do “modus operandi” dos Espíritos:

O processo das comunicações. — Os aparelhos mediúnicos. — A ideoplasticidade do pensamento.

30. Evangelização dos desencarnados:

A situação dos recém-libertos da carne. — As exortações evangélicas. — A lição das almas. — Ensinar e praticar.

31. Os Espíritos da Terra:

Espíritos da Terra. — Como se opera o progresso geral. — Os períodos de renovação. — Missão do Espiritismo.

32. Dos destinos:

A vida verdadeira. — A escolha das provações. — O esquecimento do passado. — O homem e seu destino. — A vida é sempre amor.

33. Quatro questões de Filosofia:

Determinismo e livre arbítrio. — O tempo e o espaço. — Espírito e matéria. — O princípio de unidade.

34. Vozes no deserto.

35. Educação evangélica:

O resultado dos erros religiosos. — Fim de um ciclo evolutivo. — Urge reformar. — Necessidade da educação pura e simples. — Formação da mentalidade cristã.

36. Aos trabalhadores da verdade:

A fenomenologia espírita. — A psicologia e a “mens sana”. — O progresso anímico. — A trajetória das almas. — As realidades do futuro.



[1] Nesta 1ª edição, as expressões que identificam as partes do livro: “DOUTRINANDO A FÉ”, (Capítulos 1 a 12), “DOUTRINANDO A CIÊNCIA”, (Capítulos 13 a 24) e “DOUTRINANDO A FÉ E A CIÊNCIA”, (Capítulos 25 a 36), não aparecem no índice, mas estão presentes no corpo do livro; e a enumeração dos capítulos em algarismos romanos no livro impresso, foi substituída por algarismos arábicos, para maior fluência na leitura digital em voz alta.


.

Abrir