Bíblia do Caminho Antigo Testamento

1º Livro dos Reis    † 

(Vulgatæ Editionis)

CAPÍTULO 15

(Versículos e sumário)

15 No décimo oitavo ano pois do reinado de Jeroboão, filho de Nabat, reinou Abião sobre Judá.

2 Reinou três anos em Jerusalém. Sua mãe se chamava Maáca filha d’Abessalão.

3 Ele se entregou a todos os pecados, que seu pai tinha cometido antes dele; nem o seu coração era perfeito diante do Senhor seu Deus, como o fora o coração de seu pai David.

4 Mas o Senhor seu Deus em atenção a David lhe deu uma lâmpada em Jerusalém, suscitando a seu filho depois dele, para restabelecer a Jerusalém;

5 porque David tinha feito o que era reto aos olhos do Senhor, e em nada se tinha afastado de tudo o que lhe mandara em todos os dias da sua vida, exceto o que se passou a respeito de Urias Heteu.

6 Todavia entre Roboão e Jeroboão houve guerra, todo o tempo da vida de Roboão.

7 O resto porém das ações de Abião, e tudo o que ele fez, está escrito no livro dos anais dos reino de Judá. E houve uma batalha entre Abião e Jeroboão.

8 E adormeceu Abião com seus pais, e o sepultaram na cidade de David; e seu filho Asa reinou em seu lugar.

9 No ano pois vigésimo de Jeroboão, rei de Israel reinou Asa, rei de Judá,

10 E reinou quarenta anos em Jerusalém. Sua mãe se chamava Maáca, filha de Abessalão.

11 E Asa fez o que era reto aos olhos do Senhor, bem como David seu pai;

12 E tirou da terra os efeminados, e a limpou de todas as imundícias dos ídolos, que seus pais tinham fabricado.

13 E além disto removeu a sua mãe, para que não fosse princesa nos sacrifícios de Príapo, e no bosque, que lhe tinha consagrado; e arruinou a sua gruta, e despedaçou o ídolo torpíssimo, e o queimou no vale de Cedron;

14 Mas não tirou os altos. Ainda assim o coração de Asa foi perfeito toda a sua vida para com o Senhor.

15 Meteu também na casa do Senhor o que seu pai tinha consagrado, e votado dar, prata e ouro, e vasos.

16 E houve guerra entre Asa, e Baása, rei de Israel, todo o tempo da vida deles.

17 E Baása, rei de Israel, veio a Judá, e edificou Rama, para que ninguém pudesse sair nem entrar nos estados de Asa, rei de Judá.

18 Tomando pois Asa toda a prata, e o ouro, que tinha ficado nos tesouros da casa do Senhor, e nos tesouros do palácio do rei, os pôs nas mãos dos seus servos; e os enviou a Benadad, filho de Tabremon, filho d’Hezion, rei da Síria, que habitava em Damasco, dizendo:

19 Entre mim, e ti há aliança como a houve entre meu pai e teu pai; por isso te mandei esses presentes de prata e ouro; e suplico-te que venhas, e que quebres a aliança, que tens com Baása, rei de Israel, para que ele se retire das minhas terras.

20 Benadad, condescendendo com os rogos do rei Asa, mandou os generais do seu exército contra as cidades de Israel, e tomaram a Ahion, e a Dan, e a Abel casa de Maáca, e a todo o distrito de Ceneroth, isto é, todo o território de Nefthali.

21 O que tendo ouvido Baása, deixou de edificar Rama, e voltou para Thersa.

22 E despachou o rei Asa correios por toda a Judeia com esta ordem: Ninguém se escuse. E tomaram as pedras de Rama, e as suas madeiras, que Baása havia empregado em a edificar, e delas fundou o rei Asa a Gabaa de Benjamim, e a Masfa.

23 O resto de todas as ações de Asa, e todas as suas empresas de valor, e todos os seus feitos, e as cidades que edificou, se acham escritas no livro dos anais dos reis de Judá. Todavia no tempo da sua velhice padeceu dos pés.

24 E adormeceu com seus pais, e foi sepultado com eles na cidade de seu pai David. E Josafat, seu filho, reinou em seu lugar.

25 Nadab porém filho de Jeroboão, reinou sobre Israel no segundo ano de Asa rei de Judá; e reinou sobre Israel dois anos.

26 E ele fez o mal diante do Senhor, e andou nos caminhos de seu pai, e nos pecados, que ele tinha feito cometer a Israel.

27 Mas Baása filho d’Ahias da casa de Issacar armou-lhe uma traição, e o matou em Gebbethon, que é uma cidade dos Filisteus; porque Nadab e todo o Israel sitiavam Gebbethon.

28 Baása pois no terceiro ano de Asa, rei de Judá, matou a Nadab, e reinou em lugar dele.

29 E tanto que reinou, matou toda a casa de Jeroboão; não deixou com vida nem sequer uma da sua linhagem, até acabar inteiramente com ela, conforme a palavra que o Senhor tinha dito por boca de seu servo Ahias de Silo,

30 Por causa dos pecados de Jeroboão, que ele cometera, e pelos que fizera cometer a Israel; e por causa do delito com que tinha irritado o Senhor Deus de Israel.

31 O resto das ações de Nadab, e tudo o que ele fez está escrito no livro dos anais dos reis de Israel.

32 E houve guerra entre Asa, e Baása rei de Israel, todo o tempo de sua vida.

33 No terceiro ano d’Asa, rei de Judá, reinou Baása, filho d’Ahias, sobre todo o Israel e Thersa vinte e quatro anos.

34 E ele fez o mal diante do Senhor, e andou no caminho de Jeroboão, e nos pecados, que tinha feito cometer a Israel.



Há imagens desse capítulo, visualizadas através do Google - Pesquisa de livros, nas seguintes bíblias: Padre Antonio Pereira de Figueiredo edição de 1828 | Padre João Ferreira A. d’Almeida, edição de 1850 | A bíblia em francês de Isaac-Louis Le Maistre de Sacy, da qual se serviu Allan Kardec na Codificação. Veja também: Hebrew - English Bible — JPS 1917 Edition; La Bible bilingue Hébreu - Français — “Bible du Rabbinat”, selon le texte original de 1899; Parallel Hebrew Old Testament by John Hurt.


.

Abrir